. A resposta acertada do BCE - Massa Monetária
 
 
A resposta acertada do BCE
4 Abr 2012 11:18
Colocado por: Pedro Romano
Comentar este Post
Imprimir | Enviar | Tamanho

facebook share

The ECB's proportionate response to the euro zone debt crisis (Vox, Bernard Delbecque). Paul de Grauwe tem defendido que o BCE poderia ter ajudado a Zona Euro de forma mais eficaz comprando dívida pública directamente em vez de o fazer através dos LTRO. Um colega da Universidade de Leuven diz que não é bem assim. Além disso, também estamos a ler:

 

2. China to let in more foreign investment (Financial Times). O FT escreve hoje sobre o percurso da China em direcção a uma conta de capital liberalizada. Ontem, foram dados mais alguns passos.

 

3. Las cuentas amenázan la recuperación (El País). Já há Orçamento, e é o mais austero da democracia. Faz lembrar alguma coisa? Pois faz, mas falamos de Espanha. O El País sistematiza os principais pontos.

 

4. Monti reaches deals with main parties on Italy Labor Law overhaul (Bloomberg). O Código Laboral vai ser liberalizado. Mas, desta vez, em Itália.

 

5. Draghi testes ad Germany pay deals add to euro divergence (Bloomberg). Os sindicatos alemães estão a pedir (com sucesso, ao que se ouve) aumentos salariais na casa dos 6%. Um problema para Mario Draghi?, pergunta a Bloomberg.

 

6. The simple analytics of soaking the rich (Paul Krugman, The Conscience of a Liberal). Os benefícios de "espremer" os ricos, segundo uma curiosa análise microeconómica de Paul Krugman.

 

7. The euro divorce (António Fatás, The Global Economy), ou por que é que não é assim tão claro que a desvalorização cambial seja a panaceia para os males da periferia europeia.

 

8. Describing DSGE (Macro Matters, Jason Rave). Uma introdução a modelos económicos para geeks ao nível da licenciatura e um contributo para um debate interessante entre Paul Krugman, Simon Wren Lewis e outros macroeconomistas.  

 

 

 

 

A


 
COMENTÁRIOS | Inserir Comentário | Comentar este Post

 

 
  • Frente a Frente

     

    Deve Portugal reestruturar a sua dívida pública?

     

    Acabou o Frente-a-Frente: os leitores do Negócios dividiram-se pela metade: entre os 1143 votos, 50,5% foram favoráveis à reestruturação defendida por Ricardo Cabral, e 49,5% opuseram-se a tal solução, alinhando com Pedro Rodrigues.
     

    Só no massa monetária, os argumentos foram consultados mais de duas mil vezes, e entre blogue e edição online os leitores ofereceram quase cinco dezenas de comentários. O Massa Monetária agradece aos convidados e a todos os leitores o empenho e os contributos para o debate e a reflexão.

     

    Até breve num outro Frente-a-Frente

 

Caderno de Encargos

O “massa monetária” é um espaço de análise de Economia e políticas públicas. Esta é mais uma porta de relacionamento com os nossos leitores, a qual será construída de reflexões e comentários dos jornalistas da casa e da comunidade Negócios. Todos são bem vindos ao debate construtivo.

 

Equipa Permanente

 
Ok
 

Categorias

 

Os Mais Recentes

 

Arquivo

 

Outras Massas

 

RSS